Páginas

LA CASA DE PAPEL, UM ORIGINAL NETFLIX ARREBATADOR - Livros & Reticências

LA CASA DE PAPEL, UM ORIGINAL NETFLIX ARREBATADOR

LA CASA DE PAPEL, ORIGINAL NETFLIX

Olá, tudo beleza por ai?

Se eu lhe disser que sou fã de séries, e que estou sempre atualizando temporadas e buscando novas indicações estarei mentindo. Na verdade, sempre achei tudo isso uma grande perda de tempo, mas durante essas férias, descobrir uma vontade imensa de aventurar na Netflix, e depois de assistir The End Of The Fucking World (em breve), eu fiquei curioso com a capa de La Casa de Papel, e depois do trailer, só consegui largar quando acabou. 


Um homem misterioso chamado de O Professor recruta oito pessoas procuradas pela polícia, com diferentes características e habilidades, para executarem o maior roubo da história, um assalto a Casa da Moeda da Espanha. A série é narrada em primeira pessoa por uma das recrutas, Tóquio, uma moça que já tem experiência com pequenos roubos a bancos. Porém, este não é um roubo qualquer, e todos os passos estão pré-definidos e estudados a fim de não haver nenhum erro, além disso, os ladrões não devem estabelecer relações pessoais para que não haja nenhuma reação emotiva durante o assalto, por este motivo seus nomes não são revelados, e cada um é chamado pelo nome de alguma cidade do mundo.

LA CASA DE PAPEL, ORIGINAL NETFLIX
Berlim (sentado), Helsinque, Oslo, Nairóbi, Professor, Moscou, Denver, Rio e Tóquio, respectivamente. 
A Casa da Moeda da Espanha é invadida, e a equipe de assalto conta com 60 reféns desesperados e em alguns momentos, sádicos. Com o Professor do lado de fora, coordenando as ações e atrapalhando o trabalho da policia, os dias vão passando dentro da gaiola, e as expectativas só aumentam, já que eles não roubarão o dinheiro de ninguém, mas irão produzir as suas próprias cédulas, com números de série impossíveis de serem rastreados. Com o desejo de ter a opinião pública do lado deles, os ladrões são incapazes de assassinar, ou até menos amedrontar algum refém mais trabalhoso. 

LA CASA DE PAPEL, ORIGINAL NETFLIX

Essa produção espanhola conta com flashbacks do planejamento das ações, e o decorrer da execução das mesmas, e mostra também como todos os passos da policia já haviam sido cronometrados pela equipe de ladrões, e principalmente seu líder. 
Uma personagem em especial merece destaque. Raquel Murilo é a inspetora responsável pelo caso, e além de ser mal vista por ser a única mulher na investigação, ainda está movendo um processo de agressão contra o seu ex-marido, policial renomado dentro da corporação, por isso sofre represálias, e constantes acusações de inconsistência e falta de capacidade de conduzir o caso. 

LA CASA DE PAPEL, ORIGINAL NETFLIX
Policial, Agente da Inteligência, Raquel Murilo (inspetora) e Angél (assistente da inspetora), respectivamente, 
O ponto alto dessa série, e certamente a origem de todo o seu destaque, é a quantidade de plots twists existentes. Quando tudo parece que vai desmoronar, o plano do professor nos surpreende e os ladrões dão a volta por cima de forma louvável, deixando a policia pra trás mais uma vez. Algumas vezes, essas reviravoltas no enredo incomodam, já que são bem elaboradas, e difíceis de acreditar até mesmo para uma ficção. 

Por ser uma produção ampla, com 15 episódios originalmente, e 13 somente para a primeira temporada na Netflix, a série consegue mostrar com clareza os dois lados da moeda, e fazem com que o espectador torça para os dois lados, Já que de um lado temos pessoas com motivações fortes e do outro, uma inspetora injustiçada sofrendo de instabilidade emocional. É difícil, meus caros amigos! 

LA CASA DE PAPEL, ORIGINAL NETFLIX
Ladra Nairóbi

Minha personagem favorita, com toda certeza, é a Nairóbi. Além de linda, ela é uma mulher forte, que teve uma infância dura, e usou a falsificação como saída. Além disso, é mãe solteira e teve que ver seu filho passando de mão em mão nas rotinas de adoção, já que foi impedida de te-lo por conta de seus antecedentes criminais. Suas motivações são importantes, e ela faz de tudo para que o plano siga como o combinado, e eu estou torcendo muito pra ela escapar com todo o dinheiro possível. 


Com uma trilha sonora contagiante, e uma fotografia onde o vermelho está em destaque a todo o instante, La Casa de Papel veio para conquistar o Brasil e quebrar as regras, deixando as produções americanas no chinelo. 

¡Viva España! Viva!

A primeira temporada conta 13 episódios, com uma média de 50 minutos cada, e encerra enquanto o assalto ainda está em andamento, e a segunda temporada está confirmada na Netflix para o dia 6 de abril. 

Espero que tenham gostado, e não percam tempo, corre pra assistir que é show! 
Até mais! 



16 comentários:

  1. Adorei sua resenha.Assisti esta série recentemente e amei!Não consigo ter um personagem favorito,gostei de todos.Os episódios são longos,mas prende tanto sua atenção que nem percebe-se o tempo.Estou super ansiosa pela próxima temporada!

    ResponderExcluir
  2. Vejo muitas pessoas falando bem da série, vou assistir, fiquei bastante interessada.
    Obrigada por compartilhar e pela dica.

    http://www.carolinapeclat.com

    Beijos Carol Peclat

    ResponderExcluir
  3. Ola, eu estou curiosa para assistir a essa serie. E sua resenha só me deixou ainda mais curiosa vou assistir assim que possivel

    ResponderExcluir
  4. Cara!Eu nunca tinha parado para ver o informações sobre filme quando via as imagens pensava que era algo como terros tipo assim,sabe?

    ResponderExcluir
  5. Eu nem conhecia essa série, até ver muitas pessoas falando sobre ela. Infelizmente, eu ainda não tive a oportunidade de ver (ainda mais que eu tenho vários na minha lista). Porém, como a segunda parte vai entrar na netflix nos próximos meses, esperarei para assistir tudo junto. Obrigada pela dica :)

    ResponderExcluir
  6. Legal Dmais, depois dessa resenha vou assistir a série!!!

    ResponderExcluir
  7. Já estava na minha lista, muita gente fala bem dela atualmente estou vendo grays anatomy e fiquei com vontade de assistir essa depois da sua resenha.
    Parabéns amei o post

    ResponderExcluir
  8. To morta de curiosidade dessa série! Está todo mundo falando nela, e pela resenha parece ser bem legal mesmo

    ResponderExcluir
  9. Amei sua resenha, ainda não consegui assistir essa série, mas agora fiquei mais curiosa ainda... Vou procurar um tempinho para tal. <3

    ResponderExcluir
  10. Nossa, é o próximo na minha lista do Netflix...amei de verdade!! Estava bem precisando de uma indicação nova viu...

    ResponderExcluir
  11. Eu quero muito ver essa série, mas estou enrolando um pouquinho haha, mas parece ser muito incrivel.

    ResponderExcluir
  12. Eu não conhecia a série,
    mas depois da sua resenha me deu uma vontade louca de assistir😲
    Gostei muito da sua resenha 😀😀😀

    ResponderExcluir
  13. Oi, tudo bem?
    To querendo assistir essa série, mas são tantas que não dou conta. Hahah.
    Adorei o blog, parabéns pelo trabalho. ♥
    Já estou seguindo o blog.
    Beijos. :*
    www.freakandcreepy.com

    ResponderExcluir
  14. Oi Izaac!
    Faz tempo que estou namorando essa série, mas não sabia o que esperar até agora ;). Como acabei de terminar Reign vou dar um tempo e com certeza vou voltar e assistir essa.
    Ótima crítica!

    Beijokas

    ResponderExcluir
  15. Bom, eu realmente sou fã de séries e essa, La Casa De Papel foi uma das melhores que assisti ultimamente.
    Realmente é maravilhosa e gostei dos pontos que você destacou como a Raquel e a Nairóbi.
    Os personagens da série são bem construídos e enfim, cada um se apaixona por um pedacinho da série, seja ele qual for.
    Adorei o post, La Casa de Papel é realmente maravilhoso!
    Beijos.
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir

Obrigado pelo seu comentário! :)

Deixe seu link, quero ver o seu blog!
Abraços *-*